A missa de abertura aconteceu no Santuário Nacional de Aparecida e a sessão de instalação da Assembleia no Centro de Eventos Padre Vitor Coelho.

 

Teve início ontem, 1º de maio, em Aparecida SP, a 57ª Assembleia Geral (AG) da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB). Este ano, a Assembleia Geral tem a tarefa central de atualizar as Diretrizes Gerais da Ação Evangelizadora (DGAE) da Igreja no Brasil para o quadriênio 2019 a 2023.

A missa de abertura foi presidida pelo Cardeal Dom Sérgio da Rocha, Presidente da CNBB. Após a Santa Missa ocorreu a sessão de instalação no Centro de Eventos Padre Vitor Coelho.

As Diretrizes que os bispos aprovarão estão estruturadas a partir da imagem da comunidade cristã como “casa”. No centro, como eixo, está a Comunidade Eclesial Missionária, sustentada por “quatro pilares”: Palavra, Pão, Caridade e Missão.

O texto está estruturado em 4 partes. A primeira, que inclui uma introdução e o 1º capítulo, aprofunda os rumos da Igreja no mundo urbano atual. O 2º capítulo aprofunda o olhar dos discípulos missionários; o 3º capítulo trata da ideia-força da Igreja nas Casas, retomando a inspiração das primeiras comunidades cristãs;

O 4º, e último capítulo, constitui-se de indicadores que apontam sobre qual que maneira a Igreja em Missão no Brasil pode estar presente da melhor maneira possível neste novo mundo urbano.

O desafio, após a 57ª AG, será transformar estas Diretrizes em projetos pastorais que, respeitando a unidade da Igreja em todo o Brasil, respondam às realidades regionalmente diversificadas.

A 57ª AG da CNBB também tem como desafio eleger a nova presidência da CNBB para o próximo quadriênio. Esta é composta pelo presidente, vice-presidente e secretário geral. Na ocasião também serão eleitos os 12 presidentes das Comissões Episcopais Pastorais e o delegado e o suplente junto ao Conselho Episcopal Latino Americano (Celam).

Outros temas prioritários e diversos como reuniões, comunicações, celebrações e retiro integram a pauta da Assembleia. Esta edição prevê, inicialmente, duas mensagens e carta final sendo uma ao papa Francisco e outra ao prefeito da Congregação para os Bispos.

Jorge Teles com CNBB

Confira algumas imagens dos Bispos do Paraná: 

 

LITURGIA DIÁRIA

Últimos Posts