Reunidos em Aparecida (SP), desde a última quarta-feira, 19 de abril, para a 60ª Assembleia Geral da CNBB, o episcopado paranaense teve uma reunião no regional, na qual foi assumida uma ação missionária em prol da Igreja da Guiné-Bissau, na África.
O objetivo da ação é enviar mais 25 mil Bíblias para atender as duas dioceses no país: Bissau e Bafatá.

Em 2017, uma ação semelhante foi realizada e foram enviadas 25 mil Bíblias. Agora, o intuito é enviar mais 25 mil Bíblias. Sendo assim, a ação vai levar o mesmo nome da anterior: “Missão Palavra e Pão”, com a diferença de que, desta vez, os protagonistas da Ação Missionária serão os Ministros Extraordinário da Sagrada Comunhão Eucarística.

Na entrevista a seguir, o bispo de Paranavaí (PR) e referencial para a dimensão misisonária no Paraná, dom Mário Spaki, conta detalhes sobre a nova Ação Missionária: “Missão Palavra e Pão – etapa 2”.

Mais informações e detalhes sobre essa ação missionária serão divulgados, em breve, no site: www.cnbbs2.org.br/africa

A Missão São Paulo VI

A Missão São Paulo VI é mantida pelo Regional Sul 2 da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) na cidade de Quebo, no país da Guiné-Bissau, África. Essa missão Ad Gentes iniciou suas atividades no ano de 2014, após um longo discernimento dos bispos do Paraná, diante de um pedido do saudoso bispo da diocese de Bafatá, Dom Pedro Zilli (1954-2021). Desde então, missionários, na sua maioria leigos, têm sido enviados para viver entre o povo guineense, partilhar de seus costumes, alegrias, dores e desafios. A evangelização, a saúde e a educação são os três pilares de atuação dos missionários.

Essa é a 4ª Ação Missionária realizada pela Igreja do Paraná em prol da Missão. Em 2014, as crianças da Infância e Adolescencia Missionária (IAM), conseguiram os recursos para a perfuração de um poço artesiano para a Missão; em 2017, as crianças da catequese conseguiram enviar 25 mil Bíblias para o país; entre 2020 a 2022, a catequese enviou ajuda para a construção de uma escola no terreno Missão. Agora, os Ministros Extraordinário da Sagrada Comunhão Eucarística serão interpelados a conseguirem mais 25 mil Bíblias.

As ações misisonárias são uma forma concreta de envolver, corresponsabilizar e conscientizar os cristãos católicos da Igreja do Paraná sobre sua vocação missionária. Pois, a missão se faz com os pés dos que vão, com os joelhos dos que rezam, com as mãos dos que contribuem e com o coração dos que amam.

(Karina de Carvalho – Assessora de Comunicação da CNBB Sul 2)

LITURGIA DIÁRIA

Últimos Posts