Oito dos nove candidatos à prefeitura de Curitiba estiveram no “Bate Papo pela Paz” com o arcebispo metropolitano da capital paranaense, Dom José Antônio Peruzzo, na noite de 16 de setembro. O evento, como explicou o próprio arcebispo, teve o objetivo de reunir os políticos para uma exposição de suas propostas e ideais, porém saindo do formato de debate. “Temos promovido em nossa Arquidiocese alguns eventos pela paz. Já reunimos em nossa Catedral recentemente diversas religiões para uma vigília pela paz. Hoje é um prazer reunir aqui no Cenáculo os candidatos para que todos tenham a oportunidade de falar, mas sem incentivar o confronto”, comentou Dom Peruzzo.

encontro-com-arcebispo-candidatos-4Antes das falas, houve um momento de oração com o Padre Alex Cordeiro, coordenador da Ação Evangelizadora da Arquidiocese de Curitiba. O encontro foi realizado em dois momentos. Por ordem de sorteio, cada candidato respondeu uma pergunta realizada pelo arcebispo.

O primeiro candidato, Ney Leprevost, respondeu o questionamento sobre o déficit habitacional na cidade de Curitiba, trazendo na questão a falta de moradia digna na cidade.

O segundo a responder foi o candidato Requião Filho, sobre os direitos da pessoa idosa. Na pergunta, Dom Peruzzo lembrou que trata-se de uma população crescente e que muitas vezes é vitima de situações de violência.

Ao terceiro candidato questionado, Tadeu Veneri, coube responder sobre o aborto e o preconceito à população LGBT. O arcebispo, ao perguntar, esclareceu que não se trata de opinião pessoal, mas o que a prefeitura pode fazer no sentido de promover a vida, o respeito e a paz.

À candidata Maria Victoria coube responder sobre a infância e a adolescência: “Nossas crianças estão passando por violências. E existe toda a questão de prevenção à gravidez na adolescência. Como lidar com isso?”, perguntou o mediador.

Xênia Mello foi convidada a responder sobre IPTU Verde em Curitiba e sobre o que ela projeta para a cidade na questão da sustentabilidade ambiental e no planejamento urbano.

O atual prefeito, candidato Gustavo Fruet, foi questionado sobre como seria o apoio às diversas entidades terapêuticas e de assistência. Ao fazer a pergunta Dom Peruzzo lembrou que há diversos projetos que a Igreja apoia e mantém.

Afonso Rangel, sétimo candidato a responder, foi questionado sobre o que o arcebispo caracterizou como “pergunta espinhosa” – a situação que vivem os moradores de rua e como seria a solução para o problema desta população.

encontro-com-arcebispo-candidatos-2

Cada candidato teve dois minutos para responder objetivamente às questões. Na segunda parte do encontro cada candidato teve sete minutos para apresentar livremente suas ideias e propostas de governabilidade. O candidato Rafael Greca, que não pôde comparecer na etapa inicial, também participou deste momento.

Após as considerações finais dos candidatos, uma benção final foi realizada pelo arcebispo Dom José Antonio Peruzzo.

O bate papo foi gravado pela Pastoral de Comunicação da Arquidiocese de Curitiba.

Confira o encontro na íntegra no vídeo a seguir: 

Fonte: Assessoria de comunicação Arquidiocese de Curitiba

LITURGIA DIÁRIA

Últimos Posts