Pastoral da Criança

COORDENAÇÃO

Representante Episcopal: Dom Anuar Battisti

Coordenadora Regional
Maria Verônica Valarini Silva
Contato: (44) 99928-8062/ (44)3268-1192
E-mail: valariniveronica@gmail.com


APRESENTAÇÃO

pastoral da CriançaJustificativa

A todo o instante a Palavra de Deus vem convidar para o trabalho em missão, o trabalho em prol dos mais necessitados, acompanhado de uma promessa que anima o presente e ilumina o futuro daqueles que se dedicam aos pequenos e aos pobres em nome de Jesus Cristo. Jesus apresenta-nos a missão quando diz: “Eu vim para que todos tenham vida e a tenham em abundância” (Jo 10,10), propondo-nos não somente salvar a vida das crianças e cuidar de sua boa nutrição, mas fazer com que elas sejam felizes e capazes de amar em toda sua vida, pois o maior mandamento da Lei de Deus é o amor.

Desde que foi fundada em 1983, a Pastoral da Criança trabalha com a fé e com a vida, no contexto da família e da comunidade, cuidando do desenvolvimento integral da criança em todas as fases da vida. Procura organizar as comunidades e, por meio de seus líderes, pede a benção para partilhar, multiplicar os dons do conhecimento, da experiência e da solidariedade, com todas as famílias em que há gestantes e crianças menores de seis anos.

A Pastoral da Criança conta com uma metodologia que em cada circunstância se baseia em determinada palavra do Santo Evangelho. O trabalho de cada líder é inspirado na própria Virgem Maria, tendo nela a primeira a realizar a missão proposta pela Pastoral da Criança, quando foi visitar sua prima Izabel e já tinha idade avançada e esperava seu primeiro filho. Tal situação é bem parecida com a qual tantas líderes de hoje se deparam, ou seja, gestantes em situação de risco: um bebê e já em situação de risco. Ou ainda, quando Jesus distribui em abundância cinco pães e dois peixes, saciando a todos, nossas líderes também partilham suas experiências e multiplicam o dom da graça, do amor a todos que são acompanhados mensalmente.

A missão da Pastoral da Criança é fazer chegar a todos o amor de Deus de forma personificada, de uma maneira clara onde todos que provam seu amor se entregam a Ele, buscando e promovendo a vida em abundância.

Objetivo

 Trabalhar de maneira ecumênica ações de saúde, nutrição, educação, cidadania e espiritualidade visando promover o desenvolvimento integral das crianças, desde a concepção aos seis anos de idade, e a melhoria da qualidade de vida das famílias.

Diretrizes

  • Analisar as condições de sobrevivência e desenvolvimento integral da criança, com as ações básicas de saúde, nutrição, educação e comunicação, sobretudo nos bolsões de miséria.
  • Promover a formação humana e cristã das famílias, líderes comunitários e agentes voluntários, trabalhando a autoestima desses.
  • Promover os Direitos da Criança e do Adolescente e a redução da violência familiar e comunitária, em trabalho de acompanhamento e prevenção.
  • Geração de renda para autossustentação das famílias acompanhadas, ajuda mútua entres elas, capacitação da mulher em economia doméstica e nos cuidados com a criança, com a família e consigo mesma.
  • Alfabetização de jovens e adultos que participam da Pastoral da Criança.
  • Documentação, informação e análise sobre a situação da criança e da família no Brasil.
  • Pesquisa nas áreas de referência programática, para troca de experiências inter-regionais.

Atividades Permanentes

  • Visitas mensais as famílias cadastradas.
  • “Dia do Peso” como Celebração da Vida, para acompanhar o desenvolvimento físico/biológico da criança.
  • Reuniões periódicas das coordenações Nacional, Estadual e de Núcleo.
  • Capacitação para formação de novas líderes e brinquedistas.
  • Assembleias eletivas e avaliativas nos Setores e Comunidades.
  • Encontros de enriquecimento de experiência entre os Núcleos.
  • Encontros para avaliação das ações entre os Padres Assessores.
  • Encontro Regional para troca de experiência.
  • Formação para aperfeiçoamento das ações junto a coordenação Nacional e Estadual.
  • Capacitação para atuação do Conselho Econômico.
  • Representatividade no Conselho Estadual de Saúde.

Notícias

Pastoral Indígena