Missionários na Guiné-Bissau recebem visita de bispo brasileiro

A comunidade da Missão Católica Beato Paulo VI, em Quebo, na Guiné-Bissau, recebeu ontem, 10 de abril, a visita de Dom José Palmeira Lessa, arcebispo emérito de Aracaju (SE). Acompanhado por Dom Pedro Zilli, bispo de Bafatá, Dom Lessa almoçou com os missionários e pôde conhecer um pouco do trabalho da Missão. É a terceira vez que ele visita a Guiné e se surpreendeu positivamente por perceber o quanto a Igreja ali cresceu em número e profundidade.  

Para Dom Lessa, visitar a Igreja na África é testemunhar a simplicidade evangélica: “Aqui, o que conta é a vida de Jesus no relacionamento entre as pessoas. Não conta riqueza material, nem os títulos, mas sim viver Jesus e se deixar conduzir pelo Espírito Santo. É o amor que congrega e que une. Eu vejo, nesses países distantes, como os missionários e missionárias vivem, eles caminham juntos, como família, no apoio mútuo. Assim, vivem a fé em Jesus e são graça de Deus um para o outro. Para mim, essa visita foi um renovar a vivência do Evangelho, como nos primeiros tempos. Percebo aqui uma Igreja missionária que tem sua força na comunhão, no amor mútuo e recíproco, que tem a medida de Jesus, que é um amor sem medida”.

Da esquerda: Dom Pedro Zilli, Diácono Pedro Lang, Salete Lang, Samara Taíza, Dom José Palmeira Lessa e Pe. Ivan Luiz Walter

Sobre a Missão assumida pelo Regional Sul da CNBB, Dom Lessa manifestou admiração e alegria: “A Igreja do Paraná está de parabéns por toda essa organização que tem por trás o Espírito do Evangelho: “Ide, fazei discípulos…” (cf. Mt 28, 19). E, além de oferecer os meios e subsídios, vai ao encontro das pessoas, motiva, conscientiza, prepara e envia. Isso gera confiança para os missionários que vem pra cá e se consagram a Jesus na Missão. Eu quero dar os parabéns aos bispos do Paraná e dizer que esse trabalho é muito importante, que se renove sempre esse espírito missionário e que essas iniciativas se multipliquem e que possam ser um testemunho que se estenda, cada vez mais, nas dioceses do Brasil”.

Ao se despedir dos missionários, Dom Lessa agradeceu pela alegria singela que pôde testemunhar na comunidade: “Continuem assim, para que aqueles que chegarem desejem ficar e continuar a anunciar o Evangelho! ”.

Confira também

Papa nomeia novo bispo para a diocese vacante de Campo Maior, no Piauí

A Nunciatura Apostólica no Brasil comunicou nesta quarta-feira, 21 de junho, a decisão do papa …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*